roteiro bonito agência de turismo em bonito

Pantanal com Crianças: 11 Passeios Que Vale a Pena Fazer

Ao escolher viajar até o Pantanal com crianças, alguns procedimentos adicionais devem ser tomados para que os pequenos, assim como os pais, tirem o máximo proveito da estadia.

Conhecer o Pantanal, um destino bastante famoso do Brasil, por si só, já é uma grande aventura inesquecível para quem faz a viagem, que pode e deve ser aproveitada por toda a família, incluindo crianças, gestantes e terceira idade.

O ideal, para essas viagens, é escolher atrações e atividades que sejam divertidas tanto para os adultos quanto para as crianças.

Por isso, resolvemos apresentar, no artigo de hoje, 11 passeios que valem a pena para se fazer no Pantanal com crianças.

Os 11 melhores passeios no Pantanal com crianças

O Pantanal brasileiro compreende uma área que passa por dois estados: Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, ambos rodeados por bastante Mata Atlântica.

Os passeios selecionados incluem uma viagem com destino aos dois estados, para que você e a criança que te acompanha possam conhecer tanto as maravilhas da região que fica ao Norte, como as belezas da região que fica mais ao Sul.

1. Estrada Parque do Pantanal em Corumbá para conhecer as Araras Azuis

Estrada Parque Pantanal
Fonte: Andrew Mercer (Flickr)

A Estrada Parque Nacional do Pantanal está localizada no município de Corumbá.

A estrada de chão atravessa grande parte do Pantanal Sul, é muito apreciada por quem gosta de natureza e, durante a travessia é possível observar diversos tipos de bichos típicos do Pantanal, como jacarés, capivaras, veados, araras azuis e tuiuiús.

Geralmente, leva-se metade de um dia para completar o passeio, e como a estrada é de minério, não se pode fazer com carro baixo.

A estrada tem início antes da entrada de Corumbá, para quem está saindo de Campo Grande.

2. Lagoa da Água Milagrosa em Cáceres

Lagoa da Água Milagrosa
Fonte: paulo_fanaia (TripAdvisor)

A Lagoa da Água Milagrosa é belíssima e, dependendo da época do ano, pode ser vista tanto com águas verdes, quanto com águas azuis.

A dolina é mesmo incrível, desde sua formação geológica e o bioma do Cerrado no entorno, até a transparência e limpidez das águas.

Para se chegar até esse lugar, é necessário fazer uma descida íngreme de 220 degraus ou experimentar descer por rapel. Mas todo o esforço vale a pena e a bela imagem da dolina ficará marcada para sempre na sua memória.

Em relação às crianças, a única restrição é que é preciso ter no mínimo 6 anos para descer até a dolina, por questões de segurança.

Mas não se preocupe: se você estiver com crianças menores, tem uma piscina ao lado do restaurante local onde é possível deixá-las brincando, desde que acompanhadas de um adulto.

3. Refúgio Ecológico Caiman em Miranda

Fazenda Refúgio Ecológico Caiman
Fonte: Bea (TripAdvisor)

Levar seus filhos ou outras crianças para conhecer o Refúgio Ecológico Caiman proporcionará uma incrível experiência e bastante conhecimento sobre o bioma pantaneiro, com o auxílio de guias turísticos extremamente qualificados que conhecem a fundo tanto a fauna, quanto a flora do local.

O refúgio também oferece serviço de hospedagem, com almoço e café da manhã.

Devido à ótima localização, suas crianças poderão ter contato com diversas espécies de animais que habitam o lugar: desde pássaros raros até animais de pequeno e grande porte, como onças, veados, tamanduás, antas e capivaras.

Além disso, todas as atividades são feitas com total segurança, pois a sede é cercada.

Aliás, umas das principais atividades da fazenda são os safáris diários, ocorrendo geralmente nos horários de 5h30 (para quem gosta de acordar bem cedo) e às 16h. Esses passeios são feitos em viaturas adaptadas.

4. Fazenda San Francisco em Miranda

foto do espaço principal

A Fazenda San Francisco é muito bonita e possui uma ótima estrutura para atender você e as crianças que te acompanham.

Dentre os passeios recomendados, está o passeio de Chalana, momento em que toda a família pode ver muitos jacarés e diversos tipos de pássaros e a pesca de piranhas.

Há também um safári para se ver tuiuiús, capivaras, cervos e outros animais.

5. Morro dos Mirantes, Trilha do Pôr do Sol e Rio Aquidauana

Rio Aquidauana
Fonte: MTur Destinos (Flickr)

Esse passeio dura entre 2 a 3 horas, em média. O caminho é bastante agradável e passa por uma estrada com muitos paredões e belas paisagens.

A subida é feita preferencialmente de automóvel, mas também é possível chegar a pé ou de bicicleta.

Desse modo, após chegar ao topo, basta apenas seguir uma trilha com cerca de 600 m para alcançar os dois pontos do mirante e contemplar a incrível vista do pôr do sol que o local oferece.

Outra atividade que deve ser aproveitada é a navegação através do Aquidauana.

6. Cristo Rei do Pantanal em Corumbá

Cristo Rei do Pantanal
Fonte: Andrew Mercer (Flickr)

A estrada que leva até o Cristo Rei do Pantanal, esculpida pela artista Izulina Xavier, reserva diversas surpresas, como as várias esculturas da Via-sacra e uma vista esplêndida de toda a cidade e do Rio Paraguai ao final.

A atração é gratuita, de fácil acesso e recomendada para toda a família. Pode-se utilizar um carro para chegar ao topo, pois existe um pequeno estacionamento no local, além da existência de lanchonetes e seguranças.

7. Museu de História do Pantanal em Corumbá

Museu de História do Pantanal
Fonte: Museu de História do Pantanal (TripAdvisor)

O Museu de História do Pantanal promoverá a você e aos pequenos uma verdadeira aula sobre o Pantanal.

Dentre as informações apresentadas, o museu explica detalhadamente sobre as características físicas e biológicas de todo o bioma, bem como a história dos primeiros habitantes, a chegada de espanhóis e portugueses e a Guerra do Paraguai.

Tudo isso é apresentado com um completo acervo de peças históricas, material audiovisual e livros de fotografias.

O prédio é oficialmente tombado como patrimônio e as atrações estão divididas entre 4 andares temáticos.

8. Forte Coimbra em Corumbá

Forte Coimbra
Fonte: Marcos Cezar Dolato (Flickr)

O Forte Coimbra foi reconhecido Patrimônio Histórico da Humanidade.

Para se chegar até ele, é necessário fazer uma travessia de barco que dura 1h30 pelo Rio Paraguai.

Aliás, a travessia é parte fundamental da experiência e consegue enriquecer ainda mais a passagem pelo forte. Inclusive, é possível participar de atividades de pesca durante o percurso.

Além do aprendizado sobre a Guerra do Paraguai, esse passeio também promove bastante conhecimento sobre o próprio Pantanal.

9. Casario do Porto em Corumbá

Casario do Porto
Fonte: ceruleo (Flickr)

O Casario do Porto se encontra em Porto Geral, conhecido por ser um dos maiores portos fluviais do Brasil.

O local é bastante movimentado e repleto de construções históricas no estilo lusitano, muitas das quais hoje em dia são utilizadas como áreas de comércio, agências de turismo, restaurantes (que servem maravilhosos pratos a base de peixe), lojas de pesca e artesanato.

Além disso, uma das principais atividades que você e suas crianças poderão fazer são os animados passeios de barco.

10. Praia do Daveron em Cáceres

Praia do Daveron
Fonte: Elton Cesar (Flickr)

As tardes com altas temperaturas são muito comuns no município de Cáceres. Por isso, caso esteja visitando a cidade na companhia de crianças, nada melhor que conhecer a magnífica Praia do Daveron, às margens do Rio Paraguai.

O pôr do sol, apreciado diretamente da praia, é magnífico e costuma atrair centenas de crianças, adultos e idosos. Ademais, o local é famoso por abrigar um dos maiores festivais de pesca de água doce do mundo.

Há serviços de bares e restaurantes à disposição de toda a família, valorizando ainda mais essa atração que não pode faltar no seu roteiro para conhecer o Pantanal com crianças.

11. Porto Jofre

Porto Jofre
Fonte: Oscar Roberto Dominguez (Flickr)

Saindo de Poconé e seguindo toda a rodovia Transpantaneira, você e sua família chegarão a Porto Jofre, conhecido como o melhor local para a avistar a onça-pintada.

A vila é pequenina e tranquila, e vive 100% em função da atividade turística.

Os principais passeios incluem a observação de animais ao longo do Rio Cuiabá, a pescaria e o passeio de barco que dura algumas horas e fazem o trajeto de ida e volta até o local.

E, é claro, não podemos nos esquecer do famoso safári para ver a onça-pintada. O safári acontece por meio de navegação no Rio Cuiabá e é possível avistar as onças bem de perto, a até 3 m de distância.

Como chegar?

De onde quer que você esteja no Brasil, para chegar ao Pantanal Sul é necessário fazer um voo até Campo Grande e, de lá, seguir por cerca de 3 horas até o município de Miranda, porta de entrada para o Pantanal Sul.

Entretanto, se sua jornada começa pelo Pantanal Norte, o mais indicado é pegar um voo até o aeroporto de Cuiabá e, a partir de lá, seguir até os municípios de Poconé ou Cáceres.

Quando ir ao Pantanal com crianças?

Os meses mais recomendados para se conhecer o Pantanal é entre julho e setembro, por causa do clima mais ameno e por ser um período propício para ver os bichos.

Porém, recomendamos sempre que consulte antes uma agência de viagens, como nós da Roteiro Bonito MS, para evitar viajar em períodos em que o clima esteja seco demais e diminuir as chances da família de avistar os animais da região.

O que levar?

  • Agasalhos
  • Calças confortáveis
  • Chapéus e bonés
  • Repelentes
  • Câmera fotográfica
  • Protetor solar
  • Óculos escuros
  • Tênis para caminhadas
  • Água e frutas

Considerações finais

E então, gostou das nossas dicas para ir ao Pantanal com crianças?

Esteja você vindo de São Paulo, de Tocantins ou de Brasília, temos certeza que vai aproveitar muito cada minuto da viagem.

Reserve seus passeios com a Roteiro Bonito MS hoje mesmo, por e-mail ou por WhatsApp, e venha conhecer esse paraíso!

Thiago Araújo

Tenho 30 anos. Sou esposo da Flávia e pai de 3 lindos meninos: Kauã, Kaio e Lorenzo. Sou um empreendedor apaixonado por Bonito/MS. Amo viajar e também gosto de mostrar o melhor que minha cidade tem para quem vem nos visitar. Conte com a minha ajuda.

[GRÁTIS] Guia com Todos os Passeios e Valores de Bonito

Conheça os valores atualizados dos passeios e poupe horas na montagem do roteiro.

Solicite agora gratuitamente.