roteiro bonito agência de turismo em bonito

O Que Saber Antes de Viajar Para Bonito/MS: Guia Completo para Viajar

“O que saber antes de viajar para Bonito/MS?” é uma pergunta frequente quando estamos planejando nosso roteiro para esse destino.

Bonito é a capital do ecoturismo no Brasil e é conhecida como o paraíso das águas transparentes, grutas, cachoeiras e trilhas imersivas que te colocam em contato direto com a fauna e a flora do centro-oeste do país.

Por isso, é um dos destinos mais buscados por aqueles que gostam de aventura, mas também relaxamento e diversão, seja sozinho, com grupos de amigos, em família ou até em lua de mel.

E para te ajudar a responder essa pergunta, preparamos este texto especial com os principais tópicos sobre a cidade, atrações, hospedagem e muito mais. Então, antes de embarcar nessa nova viagem, confira tudo o que preparamos!

Onde fica Bonito/MS?

Estrada para Bonito
Fonte: David Escote (Flickr)

Antes de viajar para Bonito, Mato Grosso do Sul, é necessário que você entenda um pouco mais sobre para onde você está indo.

Bonito é uma cidade de pouco mais de 22 mil habitantes localizada no Mato Grosso do Sul, a quase 300 km de distância de Campo Grande, a capital do estado.

Apesar de ser uma cidade pequena e tranquila, Bonito/MS conta com uma rede de hospedagem que abarca a maioria dos gostos de turistas, dos mais simples e funcionais aos mais luxuosos e completos.

Com o crescimento de visitantes na cidade, a gastronomia de Bonito/MS tem recebido cada vez mais uma boa oferta de bares e restaurantes que utilizam de frutos e peixes da região, contribuindo para uma experiência super interessante e inesquecível.

Como chegar em Bonito?

Bonito oferece, basicamente, duas maneiras de se chegar, sendo que a mais fácil é utilizar o aeroporto internacional de Campo Grande.

A maioria dos estados e cidades brasileiras tem voos que saem em direção ao aeroporto da capital de MS, portanto, é bastante simples conseguir sua passagem.

Após descer do avião, você pode ir até Bonito de diversas formas.

Uma delas é o ônibus, que leva aproximadamente 4 horas.

Para aqueles que pretendem fazer os passeios em Bonito de maneira autônoma, isso é, sem depender das agências de turismo, alugar um carro em Campo Grande, realizar o trajeto até a cidade e utilizar o automóvel para deslocamento interno também é uma das possibilidades frequentemente utilizadas.

Por fim, outra forma prática é alugar um transfer de Campo Grande para Bonito.

A segunda maneira de chegar em Bonito é através do Aeroporto Regional de Bonito, um pequeno aeroporto que recebe alguns voos da companhia Azul.

Como ele está localizado a 15km da cidade, será necessário algum outro meio de transporte terrestre para o deslocamento final.

Qual a melhor época do ano para visitar Bonito, no Mato Grosso do Sul?

Como Bonito está localizado no centro do Brasil, ela conta com dois climas muito bem estabelecidos: o verão chuvoso e o inverno seco.

Isso quer dizer que, durante o período de verão, existe a possibilidade de chuva, o que faz com que as cachoeiras estejam com maior volume de água.

Em contrapartida, pode ocorrer o cancelamento de alguns passeios da sua viagem devido ao volume de chuva e os riscos que isso traz.

Já no inverno, pela falta de chuvas, as águas ficam muito mais transparentes, ideais para aqueles que pretendem fazer flutuações.

Diferente do sul do Brasil, a temperatura média de Bonito continua alta mesmo durante o inverno, então, mesmo que seja necessário levar um casaco para a noite, não serão dias extremamente gelados.

Dessa forma, entre maio e setembro são os melhores meses para conseguir ir a Bonito sem chuva, com uma temperatura amena e agradável para entrar na água.

O que levar em sua mala para Bonito?

Em uma viagem para Bonito, é importante que você esteja preparado para estar em contato com a natureza e em constante movimentação.

Portanto, alguns itens são indispensáveis, como:

  • Calças e shorts confortáveis;
  • Camisas e camisetas com proteção UV;
  • Óculos de sol;
  • Chapéus e bonés;
  • Tênis confortáveis;
  • Roupa de banho;
  • Toalhas.

Dependendo da época em que você vai conhecer esse destino, vale a pena levar alguns casacos, mesmo que levinhos, pois durante a noite, no inverno, as temperaturas caem um pouco.

O protetor solar e o repelente também são necessários, mas é importante que você verifique qual atividade será realizada durante o dia, afinal, em determinados passeios que envolvem água, não é permitido usar esses produtos.

Em mergulhos e flutuações, você não pode usar protetor solar ou repelente, uma vez que os produtos podem atrapalhar o ecossistema e fazer mal aos peixes da região. Então, nesses casos, optar por roupas que te protejam do sol e dos insetos é uma boa ideia.

Mesmo que Bonito seja uma cidade conhecida pelo turismo, não existem caixas eletrônicos 24h disponíveis na cidade e a rede para máquinas de cartão de crédito e débito costuma falhar nas atrações.

Logo, sempre carregue com você cédulas de dinheiro para que não ocorra nenhuma situação constrangedora.

Melhores pontos turísticos e passeios para se fazer em Bonito/MS

Bonito é o lugar perfeito para conhecer águas transparentes e conhecer peixes durante as flutuações e mergulhos.

Além disso, o contato frequente com a natureza por meio das trilhas e demais atividades é admirável e encanta a todos.

Por isso, selecionamos os principais e mais incríveis passeios que podem ser realizados ao viajar para Bonito.

Flutuação

As flutuações ocorrem em diversos locais nas redondezas de Bonito e são facilmente contratadas nas agências de turismo da cidade, como a Roteiro Bonito MS.

As flutuações oferecem uma experiência imersiva na natureza, tanto durante a trilha até o local, quanto durante a flutuação.

Algumas das principais estão destacadas em seguida.

Rio da Prata

flutuação recanto ecológico rio da prata

A flutuação no Rio da Prata é conhecida pela quantidade de peixes disponíveis nas águas transparentes desse destino de ecoturismo.

É possível encontrar peixes pequenos e de até 40 kg durante a toda a extensão, além de incríveis cardumes.

Esse é um dos maiores trajetos de flutuação, com cerca de 2000 metros de distância e 4 horas de duração.

Os valores vão de R$ 300 a R$ 390 por pessoa.

Rio Sucuri

rio sucuri

A flutuação no Rio Sucuri é, também, uma das mais conhecidas.

O passeio no Rio Sucuri dura cerca de 2h30min, levando em consideração o tempo de flutuação e o tempo que o guia turístico leva para transmitir as informações necessárias a todos os visitantes.

Por ter uma distância menor, a flutuação no Rio Sucuri é ideal para crianças, idosos e pessoas com menor capacidade física de esforço.

Além disso, as águas do Rio Sucuri estão entre as 3 mais transparentes do mundo, o que faz com que o passeio seja ainda mais especial.

Os preços variam de R$ 211 a R$ 286 por pessoa.

Além desses dois principais passeios de flutuação, o Aquário Natural, o Rio Formoso e a Nascente Azul também são destinos perfeitos para realizar esse tipo de aventura.

Dica: Fizemos um comparativo entre o Rio Sucuri e a Nascente Azul aqui.

Cachoeiras e trilhas

Localizada na Serra da Bodoquena, a cidade de Bonito conta com inúmeras cachoeiras disponíveis para banho, contemplação e, até mesmo, trilhas com diversas cachoeiras em uma só propriedade.

A maioria delas é de fácil acesso, com trilhas rápidas e de baixa dificuldade.

Cachoeiras Serra da Bodoquena

cachoeira serra da bodoquena

A Cachoeira Serra da Bodoquena é um complexo de quedas d’água e poços disponíveis para banho que completam um passeio incrível.

A trilha é de dificuldade fácil e percorre todos os locais disponíveis para as aventuras.

Além das atrações naturais, o local conta com bar, restaurante, vestiários e outras facilidades para maior comodidade dos visitantes.

Estância Mimosa

estância mimosa

A Estância Mimosa é um dos passeios que podem ser realizados para contemplar ainda mais a cultura do Mato Grosso do Sul.

Afinal, além de contar com cachoeiras, o local oferece passeio a cavalo, observação de árvores e serve um delicioso almoço preparado em fogão a lenha, uma legítima comida pantaneira inesquecível.

Cachoeira Ceita Corê

fazenda ceita corê

Termo de origem tupi-guarani, “ceita corê” significa “terra de meus filhos”. Trata-se de um passeio muito realizado por gestantes quando vão a Bonito/MS.

Esse atrativo conta com uma trilha fácil, com pouco mais de 4 horas de duração, que percorre a Cachoeira Ceita Corê, a nascente do Rio Chapena e as cachoeiras do Chapeninha.

Cachoeira Boca da Onça

boca da onça

Você se surpreenderia se soubesse que Bonito/MS conta com a maior cachoeira do estado em seu perímetro?

Pois saiba que a Boca da Onça é essa cachoeira, com uma queda de 156 metros de altura e uma trilha de leve dificuldade.

Os turistas podem conhecer essa incrível queda d’água e realizar passeios com mais aventura, como o rapel.

Sendo assim, a Boca da Onça precisa estar no seu roteiro.

Buraco das Araras

buraco das araras

O Buraco das Araras é um dos passeios perfeitos para se realizar, especialmente por quem visita Bonito com crianças.

Afinal, a trilha é de fácil dificuldade e existem diversos decks próximos ao buraco para que todos possam observar as centenas de araras interagindo entre si e voando sobre suas cabeças.

É uma das coisas mais bonitas para se vivenciar!

Grutas

Bonito conta com muitas grutas ao redor da cidade.

Algumas inundadas, outras não, todas mostram formações geológicas desde o surgimento dos oceanos na Terra, até aquelas que permitem mergulhar em suas águas.

Gruta do Lago Azul

gruta do lago azul

A Gruta do Lago Azul é um dos passeios mais conhecidos em Bonito, sendo considerado o cartão postal da cidade.

Bonito tem vários passeios contemplativos e esse é um deles. Ou seja, não é permitido mergulhar ou flutuar no lago.

A atração consiste em uma pequena trilha que te leva até a parte mais baixa da caverna, próximo ao lago azul.

A água é cristalina e esconde fósseis da megafauna.

Gruta do Mimoso

gruta do mimoso

A Gruta do Mimoso foi reaberta ao público em 2022 após ficar vários anos fechada para visitação.

É uma das grutas em que é possível realizar flutuação e mergulho, portanto, uma boa dica para os turistas mais aventureiros.

Abismo Anhumas

abismo

Para aqueles que gostam de um pouco mais de aventura, o Abismo Anhumas é um destino perfeito.

Afinal, para acessar a caverna, é necessário descer por um rapel até chegar à parte inundada, onde é possível realizar flutuação, passeio de bote e mergulho.

Passeios na cidade

Na própria cidade de Bonito existem alguns passeios que podem ser explorados durante a noite, ou em um dia mais tranquilo de passeios.

Por isso, separamos algumas dicas principais.

Projeto Jibóia

projeto jiboia

O Projeto Jibóia funciona a partir das 19h e é um passeio bastante educativo sobre a vida dos diferentes tipos de jibóia.

Os instrutores explicam sobre o modo de vida, reprodução e alimentação desses animais incríveis.

Portanto, é uma das dicas para aqueles que querem saber mais sobre a vida desses animais.

Praça da Liberdade

Praça da Liberdade de Bonito
Fonte: Ben Oliveira (Flickr)

A Praça da Liberdade fica em uma região cercada por restaurantes, bares e pizzarias.

Dessa forma, além de sair para se deliciar na noite de Bonito, você ainda pode ver como os moradores se comportam e como a praça é um ponto de encontro para eles.

Além disso, a praça tem o monumento das Piraputangas, peixes da região muito bem iluminados. Com certeza, vale uma foto!

Outro fator é que, eventualmente, por ali ocorrem eventos culturais organizados pela prefeitura da cidade, então, vale a pena ir em busca de informações.

Onde comer em Bonito?

Depois de se divertir no passeio do dia, é hora de se deliciar nos mais diversos restaurantes que Bonito oferece para seus turistas.

Casa do João

Casa do João
Fonte: Casa do João (TripAdvisor)

O restaurante Casa do João é um dos mais famosos e indicados em Bonito.

Ele é gerido pelo chef Felipe Caran e um dos pratos mais famosos é a moqueca pantaneira. A traíra sem espinhos também faz bastante sucesso.

Em uma parceria com a Estância Mimosa, a Casa do João oferece sobremesas à base de doce de leite e guavira produzidas pela estância.

Juanita Restaurante

Juanita
Fonte: Juanita (TripAdvisor)

O Juanita é um dos mais indicados restaurantes no centro da cidade de Bonito/MS, ou seja, na área urbana da cidade.

Comandado por uma chefe paraguaia, o Juanita mescla pratos com receitas brasileiras e paraguaias em uma composição única.

Os pratos mais aclamados são o pacu temperado com alcaparras, tiras de jacaré, costelão de angus e picanha na pedra.

Restaurante Marruá

Restaurante Marruá
Fonte: Restaurante Marruá (TripAdvisor)

Se você se apaixonou por Bonito e não quer mais voltar para casa, saiba que isso também aconteceu com o Sylvio, o chef do Marruá.

Após visitar Bonito, nunca mais quis voltar a morar em São Paulo.

Agora, serve pratos incríveis, como a piraputanga defumada recheada com farofa de panko e purê de cenoura no Marruá.

Pantanal Grill

Pantanal Grill
Fonte: Pantanal Grill (TripAdvisor)

O Pantanal Grill é referência na carne de jacaré na cidade.

Os pratos mais buscados são a moqueca e as iscas de jacaré, ambas sempre alvos de vários elogios.

Pastel Bonito

Pastel Bonito
Fonte: Pastel Bonito (TripAdvisor)

Para fazer um lanchinho no final de algum dos passeios, basta passar no Pastel Bonito e se deliciar.

O pastel mais pedido é o de jacaré, mas existem vários outros sabores disponíveis em uma das lanchonetes mais tradicionais da cidade.

Esteja pronto para se deliciar!

Preparado para visitar Bonito/MS, o melhor destino de ecoturismo do Brasil?

Bem, esperamos que a pergunta “O que saber antes de viajar para Bonito?” não esteja mais martelando em sua cabeça!

Bonito é um destino surpreendente, tanto na alta temporada (como em épocas de férias escolares, Carnaval ou Natal) como na baixa temporada.

Pessoas do país todo, do Rio de Janeiro a Salvador, se encantam com suas belezas que vão além do que já mostramos, incluindo também o Rio Mimoso, a Praia da Figueira, o Parque das Cachoeiras e o Boia Cross.

Não espere mais para fazer turismo em Bonito e as surpresas que a capital do ecoturismo reserva a você! Garanta seus passeios com a agência Roteiro Bonito MS entrando em contato por WhatsApp ou e-mail hoje mesmo!

Thiago Araújo

Tenho 30 anos. Sou esposo da Flávia e pai de 3 lindos meninos: Kauã, Kaio e Lorenzo. Sou um empreendedor apaixonado por Bonito/MS. Amo viajar e também gosto de mostrar o melhor que minha cidade tem para quem vem nos visitar. Conte com a minha ajuda.

[GRÁTIS] Guia com Todos os Passeios e Valores de Bonito

Conheça os valores atualizados dos passeios e poupe horas na montagem do roteiro.

Solicite agora gratuitamente.